segunda-feira, 9 de abril de 2018

Companheiros







Khaled pensava e pensava...quantos amigos perdidos, esquecidos na poeira dos tempos...Tanta gente que palmilhou os caminhos de sua vida, e agora seguem rumos paralelos, longínquos, amigos queridos cujas fotos amareleceram numa caixa que por fim foi jogada ao lixo; colegas de trabalho que lhe alcançaram a mão em tempos difíceis e que agora nem mesmo um telefonema natalino dele recebem...

Sentia-se culpado por não conseguir continuar contactando a todos, nem ao menos mantê-los carinhosamente presentes em sua memória, de onde iam-se escapando aos poucos, nomes, rostos, enfim...somente em alguns momentos um som, uma palavra ou uma imagem traziam à tona a recordação de uma voz ou de um rosto submerso no lago do passado.

E havia também aqueles falsos amigos pedinchões, que só o procuravam quando em dificuldades e o esqueciam nas bem aventuranças, e que o faziam sentir-se apenas um velho bote salva-vidas...quanta assimetria, quanta falta de maestria, que aparente falta de generosidade de sua parte, em ambos os casos...

E então seu Mestre Interior falou-lhe um dia, em sonhos: "Khaled, o fluxo da vida tem marés altas e baixas, e cada uma traz e leva de volta para o mar. Lembra-te que os amigos que estiveram ao teu lado eram teus parceiros numa determinada etapa da vida, que seguiu seu rumo para todos. Mudaram as estradas, cada um precisou partir para um aprendizado diferente. Prender-te a eles significaria fechar teu coração aos novos que viriam, trazendo-te novas lições, novos percursos, guiando-te a outras estradas, e impedindo a eles de fazer o mesmo. Não te esqueças também de que de quando em vez terás de acolher como companheira a solidão...

Da mesma forma, os infelizes que te procuram apenas para pedir, são aqueles que te dão a oportunidade de retribuir à vida todo o bem que antigos amigos te fizeram, para que tua mão esquerda dê o que tua mão direita recebeu. Assim é o fluxo na maré da vida...moeda corrente de fraternidade, passando de mão em mão, sem olhar a quem, consanguíneos ou desconhecidos. Não te apegues a um ou outro apenas, pois a família humana é tão grande...! Muitos passarão por tua vida e seguirão adiante, deixando rastros apenas na lembrança, mas alguns criarão laços afins que os unirão em todas as vidas, na eternidade das almas. Porém a cada um dê o melhor de ti, mesmo que os encontre apenas por um minuto, pois não se mede o tempo do coração nem o valor da bondade; aquele a quem doaste apenas o teu sorriso pode ser o que te agradeça em preces por fazer daquele um dia melhor."

Bíndi


Imagem: internet

23 comentários:

Arco-Íris de Frida disse...

Companheiros de viagem sobre esse planeta, temos varios, em diferentes graus de afinidade, ninguem passa por nos sem ter um proposito, e acredito que todos fazem parte da nossa escalada para a evoluçao espiritual...

Perfeito o que escreveste, principalmente o final em que alegas que apenas um simples sorriso pode mudar o dia de alguem...

Um abraço carinhoso nos dois...

Carmen Lúcia.Prazer de Escrever disse...

Belíssimo texto Bindi!
Vocês nos colocam sempre palavras para refletirmos e isso é muito bom,principalmente para nossa evolução no plano espiritual.
Bjs-Carmen Lúcia.

Guaraciaba Perides disse...

Um belo texto...a experiência magnífica da vida como se propõe nos coloca em contato com tantas outras pessoas e com elas vamos compondo uma história
onde podemos juntos aprender e vivenciar emoções...mesmo não estando mais presentes na convivência são sempre recordados como lições a serem aprendidas
e de uma forma ou de outra nos ensinam a crescer.
Um abraço

Elza Interaminense disse...

Olá Boa noite!
Passando para agradecer sua visita, o comentário que deixou parabenizando os alunos escritores e poetas.Quero dizer que seu incentivo tem dado bons frutos. Os alunos ao ler os comentários ficam encantados, querendo escrever mais e estão muito agradecidos. No dia do livro vamos fazer uma comemoração e algumas poesias dos alunos serão recitadas, destacaremos alguns comentários. Muito obrigada! Volte sempre!
Hoje postei produções poéticas de duas alunas interessantes.
Abraços da amiga Elza.

Maria Rodrigues disse...

Bela e tão sentida mensagem.
Somos todos companheiros na longa caminhada da vida, vamos dar o nosso melhor a todos os que nos acompanham.
Beijinhos
Maria de
Divagar Sobre Tudo um Pouco

Elisabete disse...

É verdade, muitos passam por nós ao longo da vida.
A mensagem final é linda.
Bjs

✿ chica disse...

Adorei o texto e cheio de verdade...Há tantos amigos que se perdem pelos caminhos...Outros, mesmo se distantes, ainda permanecem amigos!" LINDO!" bjs, tudo de bom,chica

Pepi,Xixo,Juja,Jujuba disse...

Boa tarde, Bindi
Lindo e verdadeiro texto.
Amigos passam por nossas vidas e alguns nem sempre permanecem.
Um forte abraço de
Verena e Bichinhos.

SILO LÍRICO - Poemas, Contos, Crônicas e Outras disse...

Parabéns pelo maravilhosíssimo texto! Ele é de uma profundidade abissal com palavras exatas, lógica clara e conteúdo excelente! Cumprimentos sinceros! Grande abraço. Laerte.

Pepi,Xixo,Juja,Jujuba disse...

Voltei para agradecer a participação na História.
Luíza, com certeza, vai amar a companhia de Ninette...rs
Um grande abraço de
Verena e Bichinhos.

Pepi,Xixo,Juja,Jujuba disse...

Obrigada, queridos amigos pela linda participação na nossa histórinha.
Ficamos felizes.
Vejam lá como ficou.
Beijinhos muitos de
Verena e Bichinhos.

Smareis disse...

Bom dia Bíndi!
Que lindeza de texto. me fez pensar em tantos amigos que ficaram pelo caminho.
Há pessoas que passam pela nossa vida é deixa marcas inesquecíveis, difícil esquecê-las. Assim é a vida, sempre tem alguém chegando e outras partindo.
texto bem construído, com grande reflexão. Obrigada por essa leitura.
Andei ausente devido os afazeres da vida, mais aos pouco tudo se ajeita.
Uma excelente semana cheia de coisas boas.
Um abração!

Escrevinhados da Vida

Maria Rodrigues disse...

Passei para desejar um bom fim de semana.
Beijinhos
Maria de
Divagar Sobre Tudo um Pouco

Bandys disse...

Ola,
Como sempre uma mensagem tocante no meu coração.
A vida é breve e quando somos procurados para ajudar, é a unica luz que o outro enxerga. Nunca devemos virar as costas.
Eu sei que vc é linda, porque enxergo a sua alma.
estamos no caminho de volta.
Um forte abraço
beijois

Elza Interaminense disse...

Amigos queridos, muito obrigada pela atenção que tem nos dado, nos visitando e sempre deixando comentários importantes para os alunos que estão iniciando a escrita poética ou de outro gênero. A contribuição de vocês, tem sido muito valiosa. Obrigada!

Hoje encontrei aqui uma verdadeira fonte de reflexão importante nessa mensagem. Se interiorizaremos essas verdades, o mundo seria menos sofrido. Ou as pessoas carentes de amor e de tudo. Abraços, sejam muito felizes.

Clau disse...

Boa noite Bíndi e Ghost \o/
Um texto lindo, leve e recheado de sabedoria...
Ninguém chega em nossa vida por acaso,
e ninguém permanece ou vai embora
por um simples acaso também...
Existe um propósito em tudo.
Bjs!

Profª Lourdes Duarte disse...

Amigos, nesta viagem do tempo encontramos muitas companhias e a seleção delas fazem a diferença; mas nem sempre identificamos com quem vale a pena seguir.Com certeza, ninguém chega por acaso. Linda mensagem com muita sabedoria amigos queridos. Abraços, sejam muito felizes, bom fim de semana.

Alegria de Viver disse...

Olá, belos e sentidos expressar, é bem verdade a gente não escolhe, o amigo chega e fica, quando há uma afinidade mútua, vale à pena, do contrário esquivar-se é melhor. Sábios pensares!
Abraços!

Evanir disse...

Belíssimo texto.
Quantas saudades !!.. A muito não posso ficar no teclado ,
mas guardo no meu coração a lembrança de uma amizade,
que nunca deixarei de amar.Hoje estou assim mas ,
Deus pode reverter minha historia.Tenho esperança de breve estar de volta.
Um carinhoso abraço.
Esqueci de dizer Deus abençoe vc com saúde é
triste ficarmos ausentes
não só das nossas amizades, mais o quanto nos sentimos vulnerável,
diante da vida.
Beijos.
Evanir.
Li a postagem emociona pelas palaras parecendo tão verdadeira.

As Mulheres 4estacoes disse...

Eu creio que todos que se aproximam da nossa convivência tem um propósito, ou vem para ensinar ou para aprender.
O certo é que só ficam aqueles que os quais nos identificamos, com esses criamos laços sinceros.
São esses os verdadeiros amigos.
Um abraço, adorei ler e refletir através do texto.
Sônia

A Casa Madeira disse...

"Não se mede o tempo do coração" o que direi mais
depois dessas lindas palavras sábias...

Eu sempre achava que estar entre os meus ou afins era o melhor...
Mas depois de um tempo começei a prestar a atenção naqueles
que as vezes achamos que são espinheiros... no final das contas
esses são os que nos fazem andar...

Li e Reli esse teu texto... muito bom...
Boa continuação de semana para ti e para os teus.

Gracimar Martins disse...

Boa tarde! gostei muito do texto,realmente muitas pessoas passam por nossas vidas, mas sempre a algo que fica do convívio curto ou longo que tenham permanecido, mesmo que nunca mais possam se encontrar, uma lembrança vai sempre perdurar.
Abraço.

Maria Glória disse...

Olá queridos amigos, boa tarde!
E não é a solidão uma companheira necessária em certos tempos da vida? Particularmente, eu sinto necessidade de ficar só, de silêncio. Como um celular que vai para a tomada recarregar, ficar novo, zerado, com a intuição mais afiada.
E os amigos vão mesmo para outros caminhos, faz parte da vida, nada é permanente, tudo muda. Hoje é um cenário, amanhá já é outro. Mas comigo acontece em alguns casos o seguinte: alguns amigos partem para uma caminhada própria, única. Ficamos tanto tempo sem contato e quando acontece o reencontro, parece que nunca ficamos distantes. Incrível né!? E com estes amigos, não há cobrança alguma, vivemos apenas apenas o presente momento.
Um belo texto.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...