sexta-feira, 10 de junho de 2016

Homônimos



Homônimos

Tudo é luz, sou o todo
Me vejo assim, sinto a divindade 
O futuro já foi transposto
O passado faz parte de mim e do que sou

Transpus a barreira do tempo, me projetei ao infinito
Me sinto dividido, mas sou o UM
Há duas faces em minhas lembranças
Uma é agora, a outra é a quem sinto que sou

Se me olharem não me vêem
Mas sou o que querem perceber
Então me procuram, estou aqui
Então não podem me ver, estou aqui

Estou aqui, estou lá, em toda parte...sou eu
Quando a onda vem, eu mudo de lugar
Eu sou o mesmo, me sinto assim, em várias faces
Me observo, me suicido, renasço, imortal sem morrer ou nascer

Percebo sombras em mim, assassino que trucida semelhantes
Impiedoso marginal, chefe de falanges malignas, sanguinário, violento
Verdugo e animal, vampiro sem passado, volto ao verme
Sumo de onde estou, imóvel, nascido da terra, cão feroz

Vejo um homem, a mesma face numa mulher, vi o universo ser feito
Pressinto sua transmutação
Sei que isso passará, mas ainda nem comecei
Me vejo assim, até onde posso projetar a consciência

Agora sou anjo, do mesmo verme nasceu a luz
Sou imenso, sou o amor, sou a paz, o sorriso e a bondade
Me excomungo com as palavras que seduziram nações
Sou o pacificador, porém o mesmo trucidador de outrora

Agora sou o homônimo de mim, estou aqui
Me pergunto então...quem sou?!

Ghost


21 comentários:

Arco-Íris de Frida disse...

Texto forte... intenso... nos faz pensar, quem fomos, quem somos?
Muito bom... como tudo que aqui se escreve...

Beijos...

POESIAS SENSUAIS E CONTOS disse...

Intensamente expressivo o texto para refletirmos quem realmente somos. Parabéns e um belo fim de semana

Carmen Lúcia.Prazer de Escrever disse...

Um texto para ler,reler e entender.
Quem somos na verdade não sabemos,talvez homônimos de nós mesmos!
Bjs amigos Ghost e Bindi.
Carmen Lúcia.

Guaraciaba Perides disse...

Oi, Ghost e Bindi...enquanto lia imediatamente lembrei-me de Raul Seixas...e suas indagações a respeito do Ser...há sempre uma filosofia para entender aquilo que é para nós inexpugnável...não adianta, nunca ninguém vai entender a verdade total das infinitas faces do SER SUPREMO...mais fácil encontrar pelo caminho da consciência do pertencimento , onde pelo menos sentimos vibração da totalidade em nós.
Um abraço, Paz e Bem!

Anjopoesia Anp disse...

Em sua poesia posso projetar a reencarnação, onde a gente vem quantas vezes forem possíveis pra que haja crescimento do espírito...parabéns gostei do seu Blog

Elisabete disse...

Lindos versos!
Bjs

Existe Sempre Um Lugar disse...

Boa tarde, texto perfeito escrito com muita sabedoria, é forte e passa bem a mensagem.

Eu sou a vela que acende
Eu sou a luz que se apaga
Eu sou a beira do abismo
Eu sou o tudo e o nada

Ouvir Raul Seixas, é agradável e faz todo o sentido.
Boa semana,
AG

Carmem Grinheiro disse...

Olá, meus queridos Bíndi e Ghost ;)
Estavas especialmente inspirado pela centelha da formação que nos encanta, que nos indigna, que nos faz questionar:
"Agora sou anjo, do mesmo verme nasceu a luz" - tantas questões, nenhuma resposta, meus amigos, pelo menos por ora...
Mas, agora é que nos dava jeito a capacidade para entender, quem sabe se com essa ciência em mãos, não conseguiríamos solucionar, limar um pouco melhor as obras mal acabadas...
Por agora, serve de tema para um esplêndido poema que nos arrebata.

um grande abraço deste lado do mar ;)

Zilani Célia disse...

OI GHOST E BINDI!
UMA BUSCA, VÁLIDA MAS, AS RESPOSTAS NÃO AS TEMOS E ACHO QUE JAMAIS TEREMOS POIS A CIÊNCIA, ATRAVÉS DOS ANOS TENTA TRAZER À LUZ AS EXPLICAÇÕES PARA NOSSAS INDAGAÇÕES SEM O CONSEGUIR ENTÃO, CONTINUAMOS A PERGUNTAR, QUEM SOU? PARA ONDE VOU?
È LÓGICO QUE PARA OS CÉTICOS AS RESPOSTAS EXISTEM.
TEU TEXTO É BELÍSSIMO. ADOREI.
ABRÇS
http://zilanicelia.blogspot.com.br/

Helena Medeiros Helena disse...

Ah, este mosaico que somos, ladrilhados numa existência que nos oferece infinitas possibilidades, que se nos apresenta em tantas modalidades que nos perdemos indefinidos, solitários e mendigos de um sentimento que nos defina, de uma emoção que nos conjugue os diversos eus espelhados em atitudes e comportamentos que muitas vezes nos fogem ao entendimento. Somos uno nessa diversidade, somos muitos numa unicidade que confunde, que delimita, e ao mesmo tempo expande as capacidades. Ah, este ser indefinido chamado Homem, inacabado, inexpressivo, inatingível, e ao mesmo tempo tão complexo, tão completo, tão genuíno.
Ghost, que belo texto! Que profundidade de expressão! Que preciosa reflexão!
Raul Seixas sempre a nos encantar! A imagem, contextuando o conjunto! Tudo muito bonito, perfeito, com a tua marca!
Ficam sorrisos, ficam estrelas, fica meu carinho, meus queridos amigos, a dizer da minha admiração por esse casal tão iluminado.
Helena

Toninho disse...

Ola Ghost boa esta leitura, esta busca
no sentido de se encontrar respostas,
para nossas ansiedades.
Belo trabalho.
Meu terno abraço

Bandys disse...

Ola meus amigos.
quem Sou ?
Sou a "estrela da manhã", "filho da alva" ou "o que brilha", "o que traz luz". Mas cheia de pecados...
Sou o anjo caído, mas também o resignado.

Saudades de vocês.
beijos, paz e luz

CÉU disse...

Olá, queridos amigos...

Já li o post duas vezes, e não encontro palavras a, c acento grave, do mesmo.
Sinto seu texto, amigo Ghost, que significa, como bem sabe, gigante, controverso, grande em talento e semântica, homónimo, por vezes, mas outras, antónimo.

Tudo aqui é forte, indecifrável, interrogativo e reflexivo. Alguém que acha que hoje é desse jeito, mas ontem foi de outro. Todo o mundo é composto de mudança e é mto provável que existam pessoas que se sintam salvadores e condenadores, pérfidos e divinos. É difícil para mim entender essa bipolaridade de sentimentos, pke nunca senti esta invasão de opostos e a necessidade de uma resposta, mas compreendo as afirmações e as inquietações. Um dia, ELE, nosso Deus, dará a resposta.

estive escutando o vídeo, cujo cantor não conhecia e acho a escolha mto acertada, pke a letra se insere perfeitamente do conteúdo da publicação.

Beijos e dias de luz.


ReltiH disse...

UN TEMA PARA LA REFLEXIÓN!!!
ABRAZOS

✿ chica disse...

Linodi e bem reflexivo!Adorei! um beijo, tuuuuuudo de bom,chioca

Felisberto N. Junior disse...

Olá, Ghost&Bíndi...quem sou? Mergulhar nessa descoberta, pode nos trazer um aprendizado profundo sobre quem somos de verdade- desde o nosso início, o meio - aqui na terra - e o fim, quando só restar a parte espiritual. Tudo o que fazemos, seja bom ou ruim, é o próprio espírito que está agindo em sua totalidade, ou seja, não apenas em relação aos defeitos/erros/mal mas também sobre qualidades/acertos/bem. Temos o costume de ver as diferenças como uma dicotomia e não como homonímia ,pois qualquer que seja a polaridade, é a diferente parte de um processo só, ou seja nós mesmos, características diferentes, interconectadas e relacionadas.Eu sou isso, eu sou aquilo, luz e treva, pacificador e trucidador ,céu e inferno, Belos dias, beijos&abraços!

Toninho disse...

Às vezes nos pegamos nesta encruzilhada.
Mas nosso coração está em Deus e assim,
sempre acordamos pela luz da fé e refazemos
nossos caminhos.

Bela reflexão amigos.

Um bom lindo fim de semana a voces.
Minha admiração e meu terno abraço de paz e de luz.

Pepi,Xixo,Juja,Jujuba disse...

Queridos amigos,
Que texto profundo e reflexivo.
Venho agradecer a gentil visitinha e comentário.
Desejo um fim de semana abençoado.
Um forte abraço e beijinhos de
Verena e Bichinhos.

Evanir disse...

Uma visita com muito carinho.
Desejo de coração um abençoado final de semana,
que a paz esteja no seu coração .
Saúde para você e sua amada família.
Beijos ..Evanir.

Existe Sempre Um Lugar disse...

Boa semana,
AG

Jossara Bes disse...

Ghost e Bindi,queridos amigos!
Linda poesia refletindo a essência do ser.
Quem sou? Quem nunca se perguntou?
Mistérios que nos instigam.
Tenham uma semana muito feliz! Obrigado pelo carinho!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...